Total de visualizações de página

28 de mai de 2015

DESENVOLVIMENTO NA AMAZÔNIA COM PROTEÇÃO DA FLORESTA. EXTRATIVISMO, AGROFLORESTA, ECOTURISMO

Seringueiros do Acre participam de intercâmbio sobre empreendedorismo na floresta

27 Maio 2015  |  reportagem completa em:
[Imagens do Google]

Entre os dias 25 e 31 de maio um grupo de 35 seringueiros participarão de um intercâmbio organizado pelo WWF-Brasil, com o apoio do WWF-Bolívia e WWF-Peru, que tem como objetivo apresentar experiências bem sucedidas de uso sustentável dos produtos da floresta. 
 
Os participantes são seringueiros originários dos municípios acreanos de Feijó, Tarauacá e Manoel Urbano; assim como das cidades de Cobija, na Bolívia; e de Iberia, no Peru.
 
O foco do intercâmbio será na produção sustentável de borracha, mas também serão contemplados nas atividades a produção agrícola de pequena escala na Amazônia (as chamadas “agroflorestas”) e o turismo de base comunitária.
[...]

Um bilhão de árvores
O intercâmbio que o WWF-Brasil realiza esta semana é fruto da iniciativa Protegendo Florestas - uma parceria do WWF-Brasil, do Governo do Acre, da rede de televisão britânica Sky e do WWF Reino Unido.
 
Iniciada em 2009, esta ação conjunta promove ações que ajudam famílias de produtores e extrativistas a gerar renda de forma sustentável com a venda de produtos como açaí, borracha e copaíba. Assim, é possível combater o desmatamento dentro das propriedades rurais.
 
O objetivo do projeto é garantir a conservação de 164 mil quilômetros quadrados de floresta no Estado do Acre – além de manter um bilhão de árvores em pé naquele território.
 
Em 2013 o projeto ganhou o prêmio de “Melhor Parceria de Organização Social” no Business Charity Awards, em Londres.

Nenhum comentário: