Total de visualizações de página

20 de out de 2007

PEIXE DE PÂNTANO QUE ADORA VIVER EM ÁRVORES

New Scientist, 19/out/2007
[BILINGÜE]
INGLÊS Something fishy is happening in the mangrove forests of the western Atlantic. A fish is living in the trees.
PORTUGUÊS Algo suspeito está acontecendo nas florestas de mangues no atlântico ocidental. Um peixe vivendo em árvores.
INGLÊS The mangrove killifish (Kryptolebias marmoratus) is a tiny fish that lives in ephemeral pools of water around the roots of mangroves. When these dry up the 100-milligram fish can survive for months in moist spots on land. Being stranded high and dry makes it hard to find a mate, but fortunately the killifish doesn't need a partner to reproduce. It is the only known hermaphrodite vertebrate that is self-fertilising.
PORTUGUÊS O "killifish" de manguezal (Kryptolebias marmoratus) é um peixe minúsculo que vive em poças efêmeras de água ao redor de raízes de mangue. Quando elas secam, o peixe de 100 mg pode sobreviver por meses em locais úmidos na terra. Ficando retidos no sêco torna-se difícil encontrar um par para cruzar, mas felizmente o "killifish" não precisa de um par para reproduzir-se. Ele é o único vertebrado hermafrodita conhecido que é auto-fertilizador.
ENGLISH Now biologists wading through muddy mangrove swamps in Belize and Florida have discovered another exceptional adaptation. Near dried-up pools, they found hundreds of killifish lined up end to end, like peas in a pod, inside the tracks carved out by insects in rotting logs.
PORTUGUÊS Agora, biólogos vagando pelos pântanos lamacentos de manguezais de Belize e da Flórida, descobriram uma outra excepcional adaptação. Próximo a poças sêcas, eles encontraram centenas de "killifish" alinhados extremidades a extremidades, como ervilhas numa vagem, dentro de sulcos escavados por insetos em madeira em apodrecimento.
INGLÊS "They really don't meet standard behavioural criteria for fish," says Scott Taylor.
PORTUGUÊS "Eles realmente não sastifazem os critérios padrões de peixes", afirma Scott Taylor.

Nenhum comentário: