Total de visualizações de página

16 de jan de 2013

JAPÃO, ENFIM COMEÇA A DAR ADEUS À ENERGIA NUCLEAR


[Reproduzido de NEW SCIENTIST]

BILINGUE 

ENGLISH: Japan to build world's largest offshore wind farm

PORTUGUÊS: Japão vai construir a maior geradora litorânea de energia eólica do mundo 

  • 15:19 16 January 2013 by Rob Gilhooly, Tokyo
  • For similar stories, visit the Energy and Fuels Topic Guide
Springing up in Japan <i>(Image: Slunger/CC BY-SA 2.0)</i>
Springing up in Japan (Image: Slunger/CC BY-SA 2.0)
English: It's goodbye nuclear, hello renewables as Japan prepares to build the world's largest offshore wind farm this July.
Português: É o adeus à [energia] nuclear e alô à renovável, uma vez que o Japão se prepara para construir o maior parque eólico  litorâneo do mundo, em julho.
Eng.: By 2020, the plan is to build a total of 143 wind turbines on platforms 16 kilometres off the coast of Fukushima, home to the stricken Daiichi nuclear reactor that hit the headlines in March 2011 when it was damaged by an earthquake and tsunami.
Port.: Até 2020 o plano é construir um total de 143 turbinas eólicas na plataforma [continental] a 16km da costa de Fukushima, local do arrasado reator nuclear Daiichi, divulgado  nas manchetes de 11 de março, quando foi danificado por um terremoto e tsunami.
Eng.: The wind farm, which will generate 1 gigawatt of power once completed, is part of a national plan to increase renewable energy resources following the post-tsunami shutdown of the nation's 54 nuclear reactors. Only two have since come back online.
Port.: O parque eólico, que vai gerar 1 gigawatt de potência quando estiver pronto , é parte de um plano nacional para aumentar os recursos energéticos renováveis, no pós-tsunami que aniquilou alguns dos 54 reatores nucleares do país. Somente dois deles, desde então, voltaram a funcionar.
Eng.: The project is part of Fukushima's plan to become completely energy self-sufficient by 2040, using renewable sources alone. The prefecture is also set to build the country's biggest solar park.
Port.: O projeto faz parte do plano de Fukushima para tornar-se completamente auto-suficiente em energia até 2040, usando somente fontes renováveis. A prefeitura está também disposta a construir o maior parque de energia  solar do país.

Nenhum comentário: