Total de visualizações de página

24 de fev de 2009

EM ESPECIAL PARA QUEM GOSTA DE PERGUNTAR: PARA QUE SERVE ESSE BICHO???


[BILINGÜE]

Mole rats may hold secret to long life

Ratos-toupeira podem possuir o segredo da longa vida

[NEWSCIENTIST, 23 February 2009]


INGLÊS: they may not be the prettiest creatures, but naked mole rats may hold the secret to longevity. They can live for nearly 30 years longer than any other rodent.
PORTUGUÊS: eles podem não ser as criaturas mais bonitas, mas os ratos-toupeira pelados [Heterocephalus glaber; do leste da África] podem possuir o segredo da longevidade. Eles podem viver por aproximadamente 30 anos mais do que qualquer outro roedor.
INGL.: Ageing is often blamed on the oxidising compounds we produce in our bodies, which gradually wear down DNA and proteins. These damaged molecules then go on to wreak havoc in cells.
PORT.: Freqüentemente atribui-se culpa pelo envelhecimento aos compostos oxidantes que nós produzimos em nossos corpos, os quais gradualmente desgastam o DNA e as proteínas. Estas moléculas danificadas progridem, para arrasar células.
INGL.: [...] To investigate, Rochelle Buffenstein of the University of Texas Health Science Center in San Antonio and colleagues extracted liver tissue from both species and treated it with chemicals that "unravel" proteins to reveal damage. They found twice as many undamaged proteins in naked mole rats as in mice. What's more, the rats' protein recycling machinery was exceptionally active.
PORT.: [...] Para investigar, Rochelle Buffenstein do Centro de Ciência da Saúde da Universidade do Texas em San Antonio, e seus colegas, extraíram tecido do fígado de ambas as espécies [do rato-toupeira e do rato comum] e o trataram com substâncias que “separam” proteínas para revelar o dano. Eles encontraram duas vezes mais proteínas não danificadas nos ratos-toupeira-pelados do que nos ratos comuns. E ainda, o mecanismo de reciclagem de proteínas dos ratos[-toupeira] era excepcionalmente ativo.
INGL.: The team suspects that naked mole rats manufacture extra quantities of molecules that are responsible for labelling damaged proteins that need to be recycled quickly to minimise their effect on cells. The researchers hope to identify these molecules and test if it is possible to use them to treat age-related disease in humans.
PORT.: A equipe suspeita que os ratos-toupeira-pelados fabricam quantidades extras de moléculas que são responsáveis por rotularem as proteínas danificadas que necessitam ser recicladas rapidamente para minimizar seus efeitos sobre as células. Os pesquisadores esperam identificar estas moléculas e testar seu possível uso no tratamento de doenças relacionadas ao envelhecimento nos seres humanos.

Um comentário:

Waltécio disse...

No livro de embriologia dos autores Gárcia & Gárcia (2001), logo no início (acho que é o capítulo 2) há uma rápida passagem sobre estudos do desenvolvimento de colônias Volvox. Localizaram proteínas relacionadas à senescência e à morte.

Entender esses processos está no âmago da chave para a longevidade, ou mesmo eternidade dos humanos.

Antes disso, gostaria que aprendessemos com nossos erros, porque se o humano de hoje se tornasse eterno... Não tinha planeta que aguentasse!!!

Sites relacionados:
http://www.ncbi.nlm.nih.gov/books/bv.fcgi?rid=dbio.box.213
http://icb.oxfordjournals.org/cgi/content/full/43/2/247